Estudos & Pesquisas

A diversidade importa: por que os talentos diversificados são o futuro da sua equipe

Joakim Karlsson

Share Article:

Imagine o seguinte: você está visitando a cidade de Nova York e entra em um carro compartilhado ou táxi. Ao puxar conversa com o motorista, você descobre que ele era engenheiro em seu país de origem. Ou fica sabendo que a babá de seu filho é médica, mas não conseguiu encontrar uma maneira de revalidar o diploma de medicina quando veio aos EUA.

Muitos de nós já tiveram essas experiências, mas talvez não percebam que elas são bastante comuns. Mais de 2 milhões de imigrantes qualificados e com permissão para trabalhar, detentores de diploma de graduação ou pós, estão desempregados ou gravemente subempregados nos Estados Unidos, devido às barreiras culturais e estruturais que enfrentam para retomar sua carreira profissional. Enquanto isso, há no país mais de 6 milhões de vagas abertas que os empregadores estão tendo dificuldades para preencher. Com um descompasso tão evidente, estamos fazendo uma pergunta importante: será que as empresas estão deixando escapar uma fonte de talentos crucial?

Conectar empresas a esses talentos inexplorados faz parte da missão da Upwardly Global, uma organização nacional sem fins lucrativos que ajuda profissionais imigrantes e refugiados a reconstruir sua carreira nos Estados Unidos. Por meio de programas personalizados de formação e busca de emprego, a UpGlo ajuda os recém-chegados a adaptar sua formação e suas habilidades – o que faz com que mil imigrantes e refugiados retomem sua carreira a cada ano.

Tivemos a oportunidade de nos encontrar com Mary Lee, diretora nacional de envolvimento de empregadores, e Emmanuel Imah, gerente nacional de parceria com empregadores da Upwardly Global, para saber mais sobre a lacuna entre essas vagas de emprego abertas em áreas de alta demanda e a fonte de talentos imigrantes e refugiados que as empresas estão deixando escapar.

“Trata-se de profissionais altamente qualificados e bem-formados que, por uma série de motivos, quando imigram, veem-se em empregos com baixos salários, trabalhando muito abaixo de seu talento e potencial”, disse Lee. “Com a assistência certa para superar os obstáculos que enfrentam, essas pessoas podem aplicar suas habilidades para preencher lacunas na equipe e impulsionar nossa economia.”

Para muitos recém-chegados, um dos maiores obstáculos à retomada da carreira é a proficiência em Inglês, além de entender como utilizar suas habilidades e sua experiência internacional em uma busca de emprego nos EUA.

É aí que a missão da Upwardly Global se encaixa. A UpGlo cria uma ponte entre as empresas que buscam talentos globais e diversos e essas pessoas cujo talento é sub-reconhecido. Ela trabalha em estreita colaboração com os empregadores, que vão de empresas da Fortune 500 a startups de tecnologia, para desenvolver parcerias de alto impacto em torno da inclusão e do acesso a talentos.

Benefícios de uma equipe culturalmente diversa

Até 2050, os novos imigrantes e seus filhos responderão por 83% do crescimento da população em idade produtiva. Em uma economia cada vez mais global, as empresas precisam de talentos globais para se manterem competitivas. Como resultado, mais organizações estão buscando maneiras de chegar aos candidatos diversos e se concentrando em fornecer ferramentas para desenvolver sua equipe – introduzindo programas de desenvolvimento, como o treinamento no idioma.

De acordo com Lee e Imah, são muitos os benefícios da criação de uma cultura de diversidade que adote talentos e experiências internacionais, entre os quais:

  • Maior retorno do investimento: empresas com equipes executivas culturalmente mais diversas têm probabilidade 33% maior de obter lucros acima da média.

  • Equipe motivada: os recém-chegados são talentos altamente incentivados, ansiosos por recuperar a identidade profissional e ter sucesso nos EUA.

  • Rotatividade de funcionários reduzida: os empregadores que contratam refugiados relatam um menor índice de rotatividade.

  • Entrada em novos mercados: funcionários globais trazem habilidades linguísticas e consciência cultural para apoiar negócios novos e existentes em economias emergentes.

  • Inovação: eles também trazem uma nova perspectiva e ideias inovadoras.

  • Adaptabilidade: em um mundo empresarial em constante mudança, a adaptação é essencial.

  • Resiliência: as pessoas que recomeçaram a vida em um novo país já demonstraram capacidade de crescer e aprender com os desafios.

Acesso a talentos diversificados.

Mesmo as empresas que reconhecem as vantagens de contratar e integrar recém-chegados podem ter dificuldade para acessar esses talentos. Lee e Imah têm algumas dicas de como chegar aos candidatos:

Certifique-se de não estar rejeitando involuntariamente novos cidadãos qualificados logo no início do processo. Uma pessoa que esteja recomeçando a vida em um país novo provavelmente tem uma lacuna no currículo; portanto, não se deixe desencorajar por esse sinal de alerta comum. Inclua opções para diplomas estrangeiros e locais de trabalho fora do país.

As organizações geralmente operam na mesma rede, acessando a mesma fonte de talentos. Os líderes de RH podem chegar a canais mais diversos por meio de eventos voluntários que reúnam funcionários atuais e imigrantes e refugiados candidatos a emprego, ou então se conectando a uma organização que atue em comunidades diversas.

Repensar os processos de triagem de RH e oferecer às equipes educação contínua em torno da diversidade permitirá que as empresas se adaptem e prosperem em um mercado em mudança. Uma equipe moderna deve incorporar uma variedade de formações e habilidades. Explorar essa rica fonte de talentos dos novos norte-americanos ajudará as organizações a criar uma equipe mais eficaz e inclusiva, que funcione melhor para todos.

A Hult EF e a Upwardly Global uniram forças para ajudar os profissionais a desenvolver seu potencial. Foram examinados 5,5 mil candidatos únicos, até o momento, através da prova EF SET – EF Standard English Test –, sendo fornecido um programa amplo no treinamento de idioma para preencher as lacunas e ajudá-los a alcançar a proficiência no idioma necessária para integrar-se com sucesso à equipe.

Embora os líderes da empresa desempenhem um papel importante no desenvolvimento de locais de trabalho diversos e inclusivos, talvez o mais importante seja a maneira pela qual os colegas interagem. A campanha #TeamWorks da Upwardly Global, lançada com a Welcoming America e a Kindness Factory, incentiva as pessoas a realizarem pequenos atos de inclusão para garantir que seus colegas de trabalho se sintam conectados e valorizados no local de trabalho. Saiba mais sobre como participar da campanha.

Saiba mais sobre como se conectar com talentos recém-chegados e leve seu programa de diversidade a outro patamar: https://www.upwardlyglobal.org/hire-diverse-talent/

Sign up to stay informed

Join other industry leaders and stay up to date with the latest language and leadership innovation and insights every month

*

Explore mais insights de idiomas

Estudos & Pesquisas

Momentos WOW na Experiência do(a)s Candidato(a)s!

Leia mais
Next generation learning image

Estudos & Pesquisas

Online learning: 15 fatos sobre aprendizado de idiomas virtual que estão moldando o futuro do treinamento corporativo

Leia mais

Estudos & Pesquisas

Gestão de talentos: construa a equipe do futuro

Leia mais

Estamos aqui para ajudar.

Adoraríamos manter contato com você, e nossa equipe de especialistas está pronta para ajudar.