Thought Leadership

Fluência em inglês: uma necessidade estratégica opara um mundo interconectado

Dr. Christopher McCormick

Compartilhe:

‘Coisas feitas bem e com cuidado isentam-se do medo.’ – William Shakespeare, Henrique VIII

Conforme todos nós nos ajustamos a um estranho ‘novo normal’ de trabalhar virtualmente (virtualmente o tempo todo), podemos refletir por um momento sobre como somos capazes de conseguir isso através do inglês como idioma comum de trabalho. 23 de abril é o Dia do Idioma Inglês da Organização das Nações Unidas, e marca os aniversários de nascimento e morte de Shakespeare. É uma oportunidade para celebrar o idioma e suas contribuições para a cultura mundial. Também é uma chance de reconhecermos os esforços que as pessoas ao redor do mundo bravamente colocaram na aquisição de fluência em inglês para criar oportunidades para o futuro. .

Nunca o inglês foi tamanha necessidade estratégica para as organizações, impulsionando colaboração e inovação ao tornar as informações acessíveis, ao incluir mais vozes às discussões e ao manter o contato social em momentos de distanciamento e incertezas. Há de se duvidar, entretanto, que qualquer um teria previsto como o idioma comum do trabalho também se transformaria em outro idioma para os lares internacionais, já que todos nós levamos o trabalho remoto para as salas de estar, cozinhas e edículas. As famílias ao redor do mundo estão subitamente descobrindo que o Papai já não é engraçado falando inglês e que seu parceiro tem um surpreendente sotaque britânico. Mas a simples experiência de ver seus entes queridos corajosamente logando e continuando é um motivador importante para a continuidade do aprendizado. O inglês nos conecta pessoalmente e profissionalmente, mas dominar o idioma é uma maratona - não uma corrida curta.

A batalha, como dizem é real. Aprender qualquer idioma exige jogar uma longa partida. Ir de iniciante no inglês (A1) a avançado (C1) – permitindo que você lidere outras pessoas, represente sua organização e se comunique com precisão – demanda em qualquer lugar de 600 a 1000 horas. Isso depende de sua língua materna, acesso a professores e outros falantes e da natureza do idioma necessário. Os papeis profissionais que exigem comunicação natural e sem esforço em situações imprevisíveis de alto risco precisam de níveis ainda mais altos de fluência (C2). Entretanto, ao redor do mundo, recém-formados em escolas e universidades devem chegar ao mercado de trabalho somente com o nível elementar (A2) ou intermediário (B1) de inglês. Este nível de idioma é frequentemente parte de um resultado de anos na escola com ensino para determinadas provas: a variedade de vocabulário e a habilidade de falar são frequentemente mais limitadas do que você esperaria. Isso leva a uma lacuna a ser preenchida, que recai para as organizações compensarem o treinamento de idiomas no mercado de trabalho.

Podemos nos animar com o fato de as companhias e governos aumentarem o desafio de colocar a fluência de seus funcionários à prova. Dado o custo e a complexidade de atender as necessidades de idiomas em organizações globais, isso deve ser feito bem e com cuidado. Através de análises de necessidades e da definição do nível objetivo, as companhias podem entender melhor quem precisa de qual nível de fluência em inglês para ser eficiente em seu trabalho. A testagem do idioma inglês pode estabelecer uma linha de base para indivíduos e equipes, e pode ser comparada entre as diferentes companhias, setores da indústria e até países. Uma política de treinamento de idiomas coerente pode então ser comunicada para ajudar profissionais de Treinamento & Desenvolvimento a apoiar os resultados de aprendizado tanto para as necessidades de hoje quanto para a gestão de talentos amanhã, apoiadas por monitoramento em tempo real do progresso para medir impacto.

Na atual crise global, a conscientização e a ação cresceram para garantir que a equipe possa tirar vantagem do aprendizado remoto através das mesmas ferramentas que eram usadas para fazer seus trabalhos. Companhias, incluindo a EF, trabalharam para proporcionar oportunidades de aprendizado gratuitas online para organizações, bem como para seus funcionários-chave, como o programa “Inglês para Anjos”, que forneceu cursos online do idioma para trabalhadores médicos da linha de frente na China. Os governos da França e Colômbia se destacaram pelo apoio considerável ao treinamento online de inglês para ajudar trabalhadores a continuar seus desenvolvimentos profissionais. Tais exemplos são inspirações e destacam a importância das habilidades em inglês para estabelecer conexões globais de onde você estiver.

Palavras bem faladas só podem chegar até um ponto, entretanto. Atrás de cada falante (e da tela de um computador doméstico) é uma completa tapeçaria de valores culturais e perspectivas que influenciam o significado e a compreensão. Considerando que a maioria dos 2 bilhões de falantes de inglês do mundo são em si aprendizes de inglês, cada interação com colegas internacionais tem o potencial de errar o alvo. A pesquisa sobre comunicação intercultural frequentemente considera as preferências de comportamento individuais (e coletivas) que podem ser desconhecidas para os indivíduos, que apenas sabem o que parece certo ou não. Aumentar nossa consciência sobre como funcionamos nos permite ver os outros sob uma nova luz, passando a apreciar como os problemas são abordados ou evitados. Esta é a essência da concorrência global, a capacidade de conhecer nosso mundo desconhecido e desenvolver empatia por seus diversos membros. Este trabalho literalmente começa em casa, já que agora estamos convidados aos espaços dos outros em reuniões por vídeo, subitamente vislumbrando os fios daquela elusiva tapeçaria.

O Dia do Idioma Inglês da Organização das Nações Unidas nos permite reconhecer os bravos esforços de 2 bilhões de seus vizinhos e colegas por estudar o complexo e com frequência contraditório mundo do idioma inglês. Sejam os pesadelos dos exames escolares ou a alegria de propor um brinde, nossa experiência de aprender e nos expressar em inglês é compartilhada. Confiamos nela para comunicações profissionais e cardápios de pubs. É o verdadeiro idioma dos negócios, pesquisa, ciência, aviação e programação: nosso trabalho depende dele. O inglês é também uma excelente companhia para o aprendizado vitalício, um amigo (ou mistura de amigo com inimigo?) que o ajuda a afiar suas habilidades, desenvolver seus talentos e explorar novos mundos. Como estamos inseridos entre paredes durante este momento da crise, o idioma inglês nos une conforme narramos o que estamos vivendo.

Dr Christopher McCormick

Executive VP for Academic Affairs, Hult EF

Christopher oversees the design of Hult EF’s innovative language programs. In this role, he also advises companies and governments on language training solutions for educators, professionals, and executives. Over the past twenty years, he has led major projects that have included interactive, digital, and print publishing for young learners through to adults; course management system design; teacher training and operations; online language testing; and special course design in partnership with governments, companies, and institutions, such as the United Nations Alliance of Civilizations, Lego Education, and the Olympics (Beijing 2008, Sochi 2014, Rio 2016, Pyeongchang 2018, Tokyo 2020).

Read more
Close

Dr Christopher McCormick

Christopher oversees the design of Hult EF’s innovative language programs. In this role, he also advises companies and governments on language training solutions for educators, professionals, and executives. Over the past twenty years, he has led major projects that have included interactive, digital, and print publishing for young learners through to adults; course management system design; teacher training and operations; online language testing; and special course design in partnership with governments, companies, and institutions, such as the United Nations Alliance of Civilizations, Lego Education, and the Olympics (Beijing 2008, Sochi 2014, Rio 2016, Pyeongchang 2018, Tokyo 2020).

Sign up to stay informed

Join other industry leaders and stay up to date with the latest language and leadership innovation and insights every month

*

Explore mais insights de idiomas

Thought Leadership

Fluência em inglês: uma necessidade estratégica opara um mundo interconectado

Leia mais

Insights & Estudos

Da sala de aula para a nuvem: o futuro do aprendizado no trabalho

Leia mais

Estudos & Pesquisas

Momentos WOW na Experiência do(a)s Candidato(a)s!

Leia mais

We are here to help.

We would love to hear from you, and our team of experts are ready to help.

Contact us

Fill out our form to be contacted.

Close

Fill out our form to be contacted

Contact us

Personal details

+1

Company details

What is your query about?

Executive Education
Language & Communication
Assessment Solutions
Organizational Development
Executive Coaching
Business Foundations
Open Programs
I'm not sure yet

Your message

*

Call us

08082583220